destaques

Quinta Obra de Misericórdia Espiritual: Perdoar as injúrias

O Papa Francisco disse: “não se pode viver sem perdão”. Realmente o perdão é essencial para o ser humano, perdoar e sentir-se perdoado produz grande liberdade interior para a pessoa.

O que é injuria:

A palavra Injúria significa: insulto, ofensa, invasão dos direitos, injustiça, falsidade. No Direito consiste em atribuir a alguém qualidade negativa, que ofenda sua honra, dignidade ou decoro. É um crime que equivale em ofender verbalmente, por escrito ou fisicamente (injúria real), a dignidade ou o decoro de alguém, ofendendo o moral, abatendo o ânimo da vítima. (mais…)

Published: 26/07/2016 | Comments: 0

Crise vocacional ou momento providencial

Há quem garanta que não existe crise vocacional, o que existe é um momento de transformação profunda do ser consagrado ou, na pior das hipóteses, uma crise de egoísmo.

A Igreja se manifesta no documento sobre formação chamado “Potissemum Institution”, onde alerta para a imperiosa necessidade de se dar atenção especial a cada etapa da formação do candidato a consagração. Depois dos primeiros compromissos, a formação assume uma nova etapa chamada formação permanente, que se prolongará até o último segundo da vida do consagrado. Durante a formação permanente, haverá diversos momentos ‘fortes’ na vida de cada vocacionado. É preciso observar estas passagens, pois possuem grande valor formativo. (mais…)

Published: 25/07/2016 | Comments: 0

Vocação na Adolescência

A adolescência é a etapa talvez mais difícil e extraordinária, pois estes pré-adolescentes que se faziam adorar pelos seus educadores e pais, quase sem se esperar, entram em crise, uma crise providencial, mas difícil de enfrentar. Quantos educadores desanimam, depois de terem obtido grandes resultados na etapa precedente. A sensação é de que todo o trabalho foi perdido. Os adolescentes começam a contestar tudo, não querem mais empenhar-se seriamente, acham tudo ridículo, não querem cumprir suas funções, e os pais, sobretudo, desesperam-se. No entanto, é preciso alegrar-se, porque isso quer dizer que seus filhos são normais. (mais…)

Published: 25/07/2016 | Comments: 0