Destaques



O mistério da ressurreição

A fé cristã na ressurreição dos mortos responde ao desejo mais instintivo do coração humano. Nós – diz Paulo – não queremos ser despojados do nosso corpo, mas revestidos, ou seja, não queremos sobreviver com uma parte somente do nosso ser – a alma –, mas com todo o nosso eu…

Leia mais

“O bom pastor dá a própria vida pelas ovelhas”

Jesus insiste sobre esta característica essencial do verdadeiro pastor que é Ele próprio: aquela de “dar a própria vida”. Repete isso três vezes, e por fim conclui dizendo: “O Pai me ama, porque dou a minha vida para retomá-la…

Leia mais

A Misericórdia é a veste de luz

A Misericórdia é a veste de luz que o Senhor nos concedeu no Batismo. Não devemos deixar que esta luz se apague; ao contrário, ela deve crescer em nós todos os dias, para levar ao mundo o feliz anúncio de Deus.

Leia mais

A coragem de caminhar nas trevas

A conversão, como já dissemos, começará no dia em que aceitarmos que Deus seja diferente dos nossos esquemas, e se dará de fato, só quando permitirmos que esse Deus nos leve para onde ele sabe e quer…

Leia mais

O que seria a nossa vida de cristãos sem a Eucaristia?

Cristo ressuscitado se manifesta aos discípulos, ajudando-os a compreender as Escrituras e a reler os acontecimentos da salvação à luz da Páscoa…

Leia mais

Agenda

Eventos

Hover Image

23 de abril

Tarde de Oração

Hover Image

5, 6 e 7 de maio

Tríduo de Adoração

Hover Image

Semanalmente

Santa Missa na Igreja Nossa Senhora Mãe de Deus

Últimos Posts

O mistério da ressurreição

A ressurreição de Cristo nos diz respeito e é um mistério “para nós”, porque fundamenta a esperança da nossa própria ressurreição da morte:

E se o Espírito daquele que ressuscitou Jesus dentre os mortos dará vida também a vossos corpos mortais, mediante o seu Espírito que habita em vós” (Rm 8, 11).

A fé cristã na ressurreição dos mortos responde, além disso, ao desejo mais instintivo do coração humano. Nós – diz Paulo – não queremos ser despojados do nosso corpo, mas revestidos, ou seja, não queremos sobreviver com uma parte somente do nosso ser – a alma – , mas com todo o nosso eu, alma e corpo; por isso, não desejamos que o nosso corpo mortal seja destruído, mas que “seja absorvido pela vida” e se vista, ele próprio, de imortalidade (cf. 2 Cor 5, 1-5; 1 Cor 15, 51-53). (mais…)

Published: 23/04/2018

“O bom pastor dá a própria vida pelas ovelhas”

O bom pastor dá a própria vida pelas ovelhas” (Jo 10,11). Vejam: aqui nós somos imediatamente conduzidos ao centro, ao clímax da revelação de Deus como pastor de seu povo. Este centro e clímax é Jesus, precisamente Jesus que morre sobre a cruz e deixa o sepulcro no terceiro dia, ressurge com toda sua humanidade e, deste modo, nos envolve, cada homem, na sua passagem da morte para a vida. Este evento – a Páscoa de Cristo – no qual se realiza plenamente e definitivamente a obra pastoral de Deus é um evento sacrifical: Assim, o Bom Pastor e Sumo Sacerdote coincidem na pessoa de Jesus que deu sua vida por nós. (mais…)

Published: 20/04/2018

A Misericórdia é a veste de luz

A veste batismal é símbolo da luz que o Senhor nos dá no Batismo. Essa luminosidade a nós comunicada precisa estar na vida quotidiana; a chama delicada da verdade e do bem que o Senhor acendeu em cada um de nós, deve ser conservada diligentemente para assim levar a este nosso mundo algo da luminosidade e da bondade de Deus. (mais…)

Published: 19/04/2018